Comunicado

Saudações, leitores soberanos!

É com prazer que anunciamos que o Soberanos está com um novo portal, acompanhe agora nossas colunas pelo http://soberanos.com.br 

Atenciosamente,

Adriane.

Anúncios

De camisa 10 pra camisa 10!

De camisa 10 pra camisa 10! (foto: vipcomm)

Saudações Soberanos e Soberanas!!!

Hoje foi apresentado o novo camisa 10 Tricolor, Jadson recebeu a camisa nada mais nada menos daquele que foi possivelmente o maior camisa 10 do clube e um dos maiores ídolos do São Paulo: Raí, o terror do Morumbi.

Assim vimos passado e presente juntos e sonhamos com um futuro tão glorioso quanto passado.

O carismático Jadson chega com status de quem foi e ainda é um grande ídolo na Ucrânia, onde conquistou:

  • Três Campeonatos Ucranianos
  • Duas Copas da Ucrânia
  • Três Supercopas da Ucrânia
  • Uma Copa da UEFA

Tudo isso o credência ao posto de camisa 10 do Tricolor.

As expectativas são grandes também, afinal o último a fazer sucesso com essa camisa foi justamente o Raí que ganhou todos os títulos possíveis e que aposentou em 2000, logo se vê a responsabilidade de Jadson.

Agora nos resta torcer, no ano em que comemoramos 20 anos da primeira conquista da Libertadores e Mundial, cujo capitão foi Raí, Jadson e cia se inspirem naquela geração e façam o mesmo sucesso e conquistando grandes títulos.

A polêmica do Paulista de 1990

Olá tricolores soberanos!!

Como já é de costume, o SPFC sempre é alvo de polêmicas que giram em torno seja do seu patrimônio ou títulos, com acusações de pessoas que tentam, em vão, diminuir a sua história vitoriosa e incontestável. Na última semana, em um programa esportivo, mais uma vez um dirigente do SPFC foi questionado sobre a polêmica do “rebaixamento” no Campeonato Paulista de 1990. Diante disso, o ex-diretor de futebol do SPFC, Kalef João Francisco (gestão 1990-1994), indignado com tantas acusações, nos enviou cópias do documento que prova, por A + B, que não há fundamento nessa polêmica que se arrasta por tantos anos, simplesmente porque em 1990 não houve rebaixamento no campeonato, previsto no regulamento feito pela FPF ainda em dezembro de 1989 com as regras para o campeonato de 1990. No documento consta o artigo onde informa sobre os classificados para o campeonato de 1991, provando novamente que não houve qualquer tipo de “virada de mesa” posterior.

 

Veja:

“Art. 50 § 1º – Para o Campeonato da Primeira Divisão de Futebol Profissional de 1991, o Grupo I será constituído pelas 14 associações classificadas para disputar a quarta fase do Campeonato de 1990 e o Grupo II será constituído pelas dez associações restantes que não se classificaram para a quarta fase e mais quatro advindas da Divisão Especial de 1990.”

 

Complementando o documento: (imagens abaixo)

 

“Parágrafo 2º – No Campeonato da Primeira Divisão de Futebol Profissional de 1990, não haverá descenso à Divisão Especial de Futebol Profissional. Mas a partir de 1991, ou a cada ano, haverá o descenso de uma associação da Primeira Divisão de Futebol Profissional e o acesso de uma associação da Divisão Especial de Futebol Profissional.”

 

 

Mais informações, seguem os links abaixo:

http://www.saopaulofc.net/spfcpedia/a-historia-do-spfc/mundo/

http://spfcpedia.blogspot.com/2007/12/rebaixamento-no-viaja.html

 

Portanto, não houve e nunca haverá dúvidas, a prova é concreta e verídica. Sendo assim, a soberania continua incontestável e legítima!

 

Ps.: Agradecimento especial ao competente ex-diretor Kalef por ceder essas cópias para divulgação e comprovação dos fatos. Sigam-o no Twitter: @kalef_spfc.

Agradeço também ao historiador Michael Serra pelo complemento das informações e os links. Twitter: @michaelserra.

 

Boa semana tricolores!

Por Lidiane Pereira

@lidi__

Feliz 2012 Tricolor!

Que o ano de 2011 foi melancólico pro São Paulo, disso ninguém dúvida. Um ano que prometia tanto, expectativas geradas, para conquistar o Campeonato Paulista, e pela primeira vez chegar à final da Copa do Brasil, para voltar pra competição de onde nosso Tricolor nunca deveria ter saído, a Libertadores. Mas nada saiu como o esperado. Fracasso no Paulista, sendo eliminado pelo Santos na semi final, e uma trágica eliminação nas Quartas de Final da Copa do Brasil, perdendo pro Avaí, foram a gota d’agua.

Rogério 100ni por Marcos RibolliFesta? Somente quando  nosso MITO marcou o gol de numero 100 diante das galinhas, depois quando a diretoria anunciou a contratação do nosso 9 Luis Fabiano, e por último o jogo milésimo do nosso maior Ídolo.

Time sem atitude, vibração, raça, gana por vitórias. Apenas lampejos de bom futebol em determinados momentos, mas nada que realmente viesse a convencer. Então, o que será preciso pra esse São Paulo de 2012? Além de reforçar muito a equipe, em todos os setores, é preciso ter TUDO isso que faltou em 2011. Precisa ter um time. Não apenas um elenco. É a torcida que empurra o time, mas é esse mesmo time que tem que dar a vida, a alma tricolor em campo. Isso também não teve em 2011.

Nessa época, vemos muita especulação, jogador que chega, jogador que sai, mas somente isso não resolverá. Precisamos de um ano de entrega, precisaremos de um ano iluminado, pra poder colocar o Tricolor de volta ao seu lugar que é o topo. Mas pra isso, não basta apenas achar que jogadores novos resolverão. Esses que chegam, tem que dar a vida pela torcida, e por cada um em campo. E a diretoria, parar de ter postura que ela tanto julgou, e voltar a ser ‘diferenciada’ como sempre se intitulou. Só assim, poderemos gritar de novo: SÃO PAULO É CAMPEÃO!

@Wayne_Portes